Google– ou –

PL 118-2017

Obrigará os bancos, supermercados, farmácias, lojas e outros estabelecimentos públicos e privados a prestarem atendimento prioritário às pessoas com autismo e informar sobre este atendimento com placas específicas.

Estes estabelecimentos serão obrigados a fixarem placas de atendimento prioritário contendo o símbolo mundial do autismo.

Os estabelecimentos que não cumprirem esta lei poderão ser punidos com multa e sanções.

O vereador acredita que a preferência em estabelecimentos públicos e privados para crianças e adultos com autismo poderá agilizar um pouco a vida dessas pessoas. 


Votos dos cidadãos

BR — 62 votos, 42 sim, 20 não
BH— 14 votos, 11 sim, 3 não

Filtrar gráficos

MasculinoFeminino

Classificação do cidadão para este projeto

2 classificações
0%
0%
0%
0%
50%
50%